Elogio (sincero) ao SAC da Avon

Elogiemos! Comprei o Sérum Renew Clinical Luminosity Pro, mas não pude tirar proveito dele. Após usá-lo algumas poucas vezes, acabei com uma alergia leeenda logo abaixo do nariz. Di modos qui mandei um e-mail pro SAC da Avão relatando o ocorrido e solicitando minha graninha (que não foi nada pouca) de volta.

Dias depois recebo um e-mail mui gentil. Nele estava escrito que alguém da empresa entraria em contato comigo via fone em 24 horas, pois, neste caso, uma abordagem mais pessoal se fazia necessária. Ok, pensei cá com meus botões. Que seja! E o prometido aconteceu.

Recebi a ligação de uma atendente super simpática e atenciosa. Ela me fez algumas perguntas, explicou que todos os produtos da Avão são formulados de forma a diminuir a ocorrência de alergias, mas que elas podiam surgir e tal. Ela me instruiu a enviar o sérum de volta à empresa por Sedex e prometeu o reembolso do envio e do produto em 10 dias úteis após o recebimento da minha caixinha. Disse ainda que a Avão estava à minha disposição a qualquer momento para esclarecer, por fone ou e-mail, quaisquer dúvidas sobre o processo. Taí, gostei!

Encorajada pelo super tratamento que havia recebido até então, mandei meu sérum com a cópia do comprovante do Sedex dentro da caixa conforme solicitado. Detalhe: eu mandei com seguro, tamanho o medo de me dar mal (sim, eu já me dei mal algumas vezes). E, rufem os tambores: em oito dias úteis TODO o dinheiro estava na minha conta. É assim que se faz, Avão!

Abre parênteses: quando pedi o seguro adicional (aqui o seguro automático pra Sedex é de apenas R$ 50, sendo que o produto que eu estava enviando custava R$ 120), o cara dos Correios fez uma cara de espanto pra lá de surreal. E lá veio o discurso: “Ok, senhora, mas saiba que o seguro não seria necessário, pois o Sedex é a forma de envio mais rápida e segura que existe e não extravia”. Putz, por que ele foi falar isso justamente pra mim? Por que? Por que? E lá fui eu: “Bom, eu já tive várias caixas de Sedex extraviadas. Sim, várias! Não uma, mas várias. Então eu quero o seguro sim!”. Mas a minha vontade foi soltar: “Cara, minha segurança sai por 77 cents a mais no valor da postagem, pô! Me deixa em paz e posta logo isso!” Fecha parênteses.

Verdade seja dita: eu já era fã da Avão (aliás, disse isso a eles quando me ligaram; bom, eu não disse Avão, né? disse Avon). E fiquei mais ainda depois de tudo. Em todo o momento fui tratada com respeito e atenção. Cumpriram todos os prazos certinho e sem que eu tivesse que pegar no pé. Milagre? Hum, acho que não. Tomara que não!

Confesso que, no começo, fiquei fortemente com medo de entrar em contato com o SAC deles. Haja vista minha experiência traumática com o SAC de uma outra empresa de cosméticos (a novela toda está aqui neste blog). Sem contar que li muitas reclamações na internet justamente sobre o serviço de atendimento ao consumidor da Avão (bão, eu também havia lido inúmeros elogios ao SAC da outra empresa antes). Enfim, como meu sobrenome é fé e eu não sou filha do milionário Donald Trump, me joguei na experiência. E deu certo! Rá!

Tomara a concorrente esteja lendo este meu post, néam? Porque convenhamos...

PS: O ser humano é um bicho besta mesmo. A gente não devia ficar feliz nessas horas, afinal é obrigação da empresa tratar bem os consumidores. Só que o mundo anda tão complicado, que a nossa vontade é soltar rojão quando isso acontece. Bizarro.

Comentários

arquivo do blog

Mostrar mais