Archive for Janeiro 2012

Desejo do dia: Ultrared (Paco Rabanne)


by Vanessíssima em , ,

Comments Off

Sei lá o que me dá que encasqueto com algum perfume assim do nada. A vítima da vez é o Ultrared (Paco Rabanne). Não nos conhecemos, mas nos desejamos.

Uma ponta de medo, porém, coroa minha vontade de tê-lo, afinal até hoje nenhum perfume do Paco-muchacho mexeu comigo no bom sentido. No entanto, por algum mistério inexplicável da vida, tô de olho no Ultrared.

Esse perfume é classificado como floral frutal e os bons narizes não escondem: Ultrared é ultra doce, bem doce, todo doce e carregado no morango, carinhosamente definido como licoroso.

Atenção para as notas do dito cujo: morango selvagem, groselha, marshmallow, jasmim, anis, alcaçuz, baunilha e cedro. Explosivo, não?

Preciso de um Ultrared. O inverno bate à porta.

Minha pele deseja: Fotoshop (Adobé)


by Vanessíssima em ,

Comments Off

Sim, é isso mesmo! Tô de olho no Fotoshop (Adobé). Melhor cosmético no mundo não há! A prova tá aí embaixo.


Fotoshop by Adobé from Jesse Rosten on Vimeo.

Evidente que esse produto não existe. O vídeo é só uma brincadeira (muito bem feita, por sinal) do cineasta Jesse Rosten.

O sono não vinha. Rosten ficou vendo TV. Ele se deparou com um comercial de um produto de beleza que mostrava o antes e o depois. Achou aquilo tudo muito trabalhado no Photoshop, riu e nos brindou com o vídeo acima.

Desejo do dia: Infusion de Rose (Prada)


by Vanessíssima em , ,

Comments Off


Rosa turca, rosa búlgara, tangerina, hortelã, mate e mel.

Preciso falar mais alguma coisa? Preciso: quero pra ontem!

Perfume com cheiro de nada


by Vanessíssima em , , ,

Comments Off


Eu só posso estar doida. Doida de vontade de ter um perfume com cheiro de nada. Sabe aquele cheirinho que não é doce, não é ardidinho, não é amadeirado, não é cítrico, não é cheiro de banho, não é nada? Pois é, tô querendo.


Quero algo bem levinho, fresquinho, gentil, bem suave, discretíssimo, inócuo, quase inodoro. Pra usar naqueles dias quentes em que a gente tá com dor de cabeça, tá revoltada com o mundo, tá sem vontade de exalar, saca? Quero algo que me deixe cheirosinha, mas sem parecer que estou perfumada.

E então pensei nos seguintes:

Nina (Nina Ricci)
Sempre torci o nariz pra ele, justamente por achar que ele não tinha cheiro de nada. Ganhei uma amostrinha, comecei a usar pra me livrar logo e tô gostando do não-cheiro dele. E aí que tô quase me jogando nele. Enfim, cuspi pra cima.

Noa (Cacharel)
Mais um da turma “não tenho cheiro de nada, mas sou limpinho”. Quando provei, deixei passar por ser discreto além da conta. Pensei na minha mãe, sei lá. Queria conhecer os flankers do dito cujo, viu?

Éclat d'Arpège (Lanvin)
Até falei sobre ele aqui. Não retiro o que disse. E isso não é necessariamente ruim, já que atualmente desejo algo do tipo.

Daisy Eau So Fresh (Marc Jacobs)
Desconheço a versão mais fresca do meu amado Daisy. Mas imagino que essa fragrância seja toda trabalhada na singeleza.

Chance Eau Tendre (Chanel)
Não conheço. Ainda. O meu está a caminho. Animadíssima pelos comentários que pincei na internê, catei no escuro. Vamos ver.

Infusion D´Iris (Prada)
Diviníssimo, delicadíssimo se usado com parcimônia. O EDP tá na minha lista há tempos. Este ano ele não me escapa. Falei dele aqui.

Outros que são suaves, que eu adoro, mas que não se encaixam no que eu desejo agora por irem um pouquinho além (e, mesmo que se encaixassem, eles não serviriam, já que eu já tenho todos eles rs):

212 (Carolina Herrera)
Ele é quase o que eu tô querendo agora, mas é floral demais pro meu momento.

Brigh Crystal (Versace)
Ele tem uma notinha de limpeza que eu não quero sentir agora.

Light Clouds (Moschino)
Frutinhas e frutinhas numa pegada 212, e eu quero cheiro nada, ok?

Daisy (Marc Jacobs)
Minha paixão, mas é luminoso “demais”.

Eau de Glow (JLo)
Suave, mas ele tem cheiro, saca?

Omnia Crystalline (Bvlgari)
Olha o cheiro de limpeza aí de novo, coisa que eu não desejo por ora.

My Voyage (Náutica)
Se a água tivesse cheiro (e se ele fosse bom), ela seria assim, porém esse perfume traz uma notinha além, e não quero ir além.

L´Eau Par Kenzo
Cheiro de fruta e fruta é o que não queremos hoje, obrigada.

Aliás, já versei aqui no blog sobre muitos que aparecem nessa segunda listinha. É só dar uma pesquisada na caixinha de busca aí ao lado.

É, sou doida. Eu sempre digo.

R.I.P. Etta James (1938-2012)


by Vanessíssima

Comments Off

Minha (outra) baunilha do momento


by Vanessíssima em , ,

Comments Off

Não, não vou falar do insuperável e imbatível Vanille Bourbon (Laurence Dumont), pois já expous meu amor por ele aqui e aqui (duas vezes tá de bom tamanho, né?). Esse é hour concour e ponto final. Dito isso, vamos à minha segunda baunilhinha toda linda e querida, em especial nesses dias loucos de frio em pleno janeiro: Vanille Gourmande (Laura Mercier).

Fato: só gosto do calor porque posso usar os perfumes que não borrifo em dias frios. Ou seja, calor pra mim é sinônimo de perfumes. O frio também. Ok, tudo é sinônimo de perfume então. De modos que esse frio de verão tem me feito bastante feliz, pois sou chegadíssima numa baunilha, coisa que, convenhamos, cai muito melhor em dias de baixas temperaturas.

E meu grande companheiro atual tem sido o Vanille Gourmande, perfuminho difícil de achar, por sinal (um viva ao eBay!). Nossa, como ele [o perfume - ah, o eBay também, claro] é bom, viu? O nome do bichinho [o perfume, tá?] diz tudo, néam? Mas calma que tem mais!

A saída me remete imediatamente à diviníssima lotion Vanilla Lace (Victoria´s Secret). E então a explosão assenta e a baunilha ganha ares mais comedidos e florais, o que me faz lembrar de outra lotion mara (e descontinuada, diga-se de passagem): Fresh Vanilla (Bath & Body Works). Baunilha quase pura, em estado floral.

Vanille Gourmande é muito phyno, muito delicado e super atrai-formiga, sabe? Baunilha linda, redondinha, floral, adulta, confortável e nada cafona. Fixação tudo de bom. Rastrinho encantador. É usar e, num lapso, me pegar me perguntando ao longo dia: “putz, que cheirinho bom é esse?”. E eu abro aquele sorrisão quando me toco que o arominha bão vem do meu eleito.

Até a embalagem dele é toda chique, gente. Clean, bonita, minimalista mesmo. Vanille Gourmande não é dado a exageros.

Tia Laura tem outros perfumes com nomes/sabores tão tentadores quanto Vanille Gourmande. A saber: Fresh Fig, Almond Coconut, Crème Brûlée e Crème de Pistache. Todos eles fazem parte da Gourmande Collection e dos meus sonhos. Rá!

Onde reclamar...


by Vanessíssima em , ,

Comments Off

...se sua compra internacional não chegou

Você me jura que tem bom senso? Jura mesmo? Olha lá, hein! Não é pra sair reclamando se sua compra tá fazendo aniversário de um mês e ainda não chegou. (Hum-hum, tem gente que faz isso.) Tem que esperar mais, viu?  Por causa de alguns “apressadinhos” muitas lojas estão parando de enviar pra cá. Por isso, é preciso paciência quando se compra fora. E é só quando ela esgota, mas esgota meeesmo, que a gente deve recorrer aos santos sites.

Quais? Bom, se você catou algo em uma lojinha online americana, duas boas opções são o Better Business Bureaus e o Federal Trade Commission. Graças ao meu bom Deus, nunca precisei apelar pra nenhuma delas. Mas quem precisou e apelou se deu bem, e conseguiu a grana de volta. Siga as instruções dos respectivos sites e mande brasa educadamente (em inglês, of course).

Se a sua lojinha-problema fica em outro país, o jeito é dar um Google em busca dos sites de defesa do consumidor localizados na nação em questão.

Quem compra via PayPal (eu! eu! eu!) pode recorrer à central de reclamação deles em busca de refund. Mas o prazo é “apertado”, praticamente indecente pra nós brasileiros: 45 dias. Sim, você só tem 45 dias depois da compra pra botar a boca no trombone. Acho curto esse prazo, pois muitas compras levam uns 60 dias pra chegar e sabemos que a culpa dos atrasos quase nunca é da loja, mas da dupla dinâmica brazuca (lê-se: Receita e Correios). Enfim, na teoria seria um bom prazo, mas na prática, vixe.

Abre parênteses. Já corri atrás do PayPal em busca de refund algumas vezes e deu tudo certo. E fiz isso não porque minha compra estava demorando pra chegar, mas porque ela não havia sido mandada após 44 dias do meu clique no “buy”! É, tem vendedor sacana nesse mundo sim. Fato! Fecha parênteses.

Particularmente, gosto de esperar uns três meses antes de tomar alguma providência, tudo porque as coisas costumam chegar pra mim entre 60 e 90 dias mesmo. Mas meu primeiro passo é sempre entrar em contato com a loja antes. Só então, se não obtiver sucesso, acho legal buscar amparo em outras instâncias.

Abre parênteses de novo. No recente e notório caso Brasil x Fragrancex, no qual me incluo (pois tenho compras feitas em outubro do ano passado e ainda não entregues), vou esperar pacientemente até dar cinco meses do despacho hu-hum mizifio. Só então partirei pra “briga”. Minha justificativa é aquela de sempre: num passado não muito distante, já recebi encomendas de lá depois de cinco e seis meses e blá blá bá, isto é, quero crer que ainda vou receber minhas atrasildas. Fecha parênteses de novo.

Lembrando que se, por ventura e milagre, sua compra aportar na sua casa após você ter conseguindo o estorno, é de bom tom avisar a loja e solicitar um novo pagamento, néam? Aliás, bom tom que nada! É imperativo, meu povo! É correto, é legal, é lindo, ok?

Além da Rua


by Vanessíssima em , , ,

Comments Off


Eu não sou baba ovo, ok? Pelo contrário, sou crítica até demais. O fato é que quando eu acho uma coisa boa, mas muito boa, bacana mesmo, eu tenho que compartilhar. E, bão, tô bege com o talento da Veronica do Além da Rua. Ela tem um atelier, ela tem um dom, ela tem idéias sensacionais e ela tem um site. E nesse site a gente fica conhecendo o super trabalho artesanal dela e se depara com tutoriais incríveis e possíveis. E ela também é simpaticíssima e vende algumas peças para quem está longe. Mosaicos, móveis, vasos, reciclagem... Só sei que dá vontade de sair criando e redecorando a casa. Poucas vezes me deparei com algo tão inspirador. É ver o site dela e sair de lá mais leve, com a sensação de que o mundo é um lugar lindo, sabe? O curioso é que acabei caindo lá por acaso, pesquisando algo nada a ver no Google. Surpresas da vida.

Desejando com força: Shalimar Parfum Initial


by Vanessíssima em , , ,

Comments Off

Viram minha wishlist 2012? O Shalimar Parfum Initial (Guerlain) tá lá. Acontece que minha vontade de tê-lo só vem aumentando. E muito! Tô aqui me segurando. Até porque botei na cabeça que só compro um perfume por mês e o de janeiro já foi catado. Quem sabe em fevereiro? Ai, mas são tantos os que eu desejo, que fico agoniada ao tentar estabelecer uma ordem pra pegança. Qual vem primeiro? Qual eu pego depois? Pirante!

Na saída, Shalimar Parfum Initial tem bergamota, laranja e notas verdes. O coração traz vetiver, íris, jasmim, patchouli e rosa. No fundo, almíscar, fava tonka, baunilha e caramelo.

Não é segredo que sou viciadona no Eau de Shalimar, meu perfume-metade. De modos que fiquei acrílica quando soube que a Guerlain ia lançar o Parfum Initial. Bem antes do dito cujo aparecer na lojas eu já precisava dele.

Dizem que ele conserva a coisa frutada e cítrica do Eau, traz a baunilha e o talco Guerlain, além de introduzir um toquinho verde e mais doçura no todo. Meu medo é o patchouli. Não costumo me dar com essa nota, tão comum nos chipres, dos quais eu não sou fã. Só sei que terei o Shalimar Parfum Initial , e no escuro se preciso for!

Cafungada: Lola (Marc Jacobs)


by Vanessíssima em , ,

Comments Off


Marc Jacobs, quer ser meu amigo? Perdi as contas de quantas vezes te pedi isso, mas não custa insistir. Quero muito ser sua amiga porque você cria perfumes lindos, redondinhos pra mim. Você lê minha mente e faz o que eu quero. Você me deixa cheirosa como ninguém.

Olha só, eu amo o Daisy, sou encantada pelo Marc Jacobs EDP e agora tô apaixonada pelo Lola. Por que você faz isso comigo, hein?

Deixa eu te contar, Marc Jacobs. A mais recente criação sua que conheci foi o Lola. Gostei tanto daquela saída de frutas docinhas e bem suculentas. Gamei no azedinho que explodiu em seguida. E o que é aquele toquinho apimentadinho-conforto peculiar que apareceu depois? Ele dá um up no negócio e foge do lugar comum, né? E então notei cremosidade. Vi rosas e vi peônias. Lindas elas! Mas a pimentinha levada tá sempre lá, fazendo cócegas. E depois, juro, ficou tudo fresquinho de um jeito diferente. Que delícia!

Lola é super bem humorada, né? É mesmo a irmã mais nova do Daisy.

Marc Jacobs, parabéns por ter mixado tão bem toranja, pêra, pimenta-rosa, gerânio, peônia, rosa, almíscar, fava tonka e baunilha! Olha, parabéns mesmo! Fragrância docinha e diferentemente fresca depois de um tempo, temperadinha, marcante na primeira meia hora, suave em seguida, e boa pra usar no outono e no inverno. Eu achei.

Lola, Lola... Tão divertida, tão irreverente, tão alegre, tão irresistível! Ela me deixa feliz, de bem com a vida, pra cima e confiante, tal qual um novo corte de cabelo.

E aí, Marc Jacobs, decidiu? Quer ser meu amigo ou não? Diz que sim, vai! E pra selar nossa amizade, me dá um Lola de presente?

PS: Ah, Marc Jacobs, please, me explica por que o Lola, no final, fica parecendo o Lolita Lempicka? Explica, vai! Sorry, não resisti. Mas é verdade, viu? Vem cá, você ainda quer ser meu amigo?

Update: Mais do Lola aqui.


Novo leiaute


by Vanessíssima

Comments Off

Ano novo. Roupa nova.

Wishlist 2012 do momento


by Vanessíssima em , , ,

Comments Off

Atualizando a inconstância...

1. J´Adore EDP (Dior)
Conheço horrores. Super preciso! Flores iluminadas rules!

2. Chance Eau Tendre (Chanel)
Não conheço, mas está na minha lista. Tudo porque os bons narizes dizem que ele se parece com o meu amado Daisy (Marc Jacobs). Em 2012 esse floral frutal pra todo dia não me escapa!

3. Love, Chloé (Chloé)
Desconheço, mas acho que já gosto dele. Dizem que é um floral soapy levemente atalcado. Adoro floral, adoro soapy e adoro um talquinho!

4. Baiser Volé (Cartier)
Conheço não. Dizem que é floral. Dizem que é chique. E eu digo que quero!

5. Shalimar Parfum Initial (Guerlain)
Não conheço. Mas se tem Shalimar no nome é comigo! Cítrico atalcado, quiçá, um Shalimar luminoso.

6. Bvlgari au Thé Vert (Bvlgari)
Conheço e quero. Cheiro de papel de carta radiante sabor chá verde.

7. Petite Chérie (Annick Goutal)
Desconheço. Desejo. Necessito deste floral frutal com rosa e pêra.

8. Prada Infusion D´Iris EDP (Prada)
Conheço e preciso pra ontem. Talquinho maravilha. Sutil, sublime.

9. Marc Jacobs Women (Marc Jacobs)
Conheci e me apaixonei. Gardênias frescas cheinhas de orvalho.

Armani Sensi (Armani) e Organza First Light (Givenchy) ficaram de fora da lista, pois foram descontinuados e hoje são a mais pura raridade. No entanto, se eu trombar com eles, catá-los-ei. Não conheço nenhum dos dois, mas sei que preciso deles. Assim, como necessito da recém-lançada versão EDT do Organza (Givenchy), minha esperança de usar Organza em dias menos frios. Mas esse eu quero provar antes de comprar.

Ainda tô em dúvida se soco mais três (desconhecidos meus) na lista: Cleopatra (Tocca), Pure DKNY Verbena (Donna Karan) e Gucci II (Gucci). Não sei se preciso mesmo deles. Não os conheço, mas li bons relatos. Temo que o primeiro seja parecido com o Narciso Rodriguez For Her (do qual eu não gosto), que o segundo seja mais um capim-limão da vida e que o terceiro seja deveras simplesinho todo inho, conforme andei lendo por aí. Enfim, nada decidido sobre eles ainda.

No mais, sou uma pessoa que muda. Eu mudo, o mundo muda, a minha lista muda.

PS: Sorry pela montagem tosca aí em cima, pessoal. Tô usando um editor de imagem online bem ruinzinho.