Enxaguante bucal da Bvlgari


by Vanessíssima em , ,

Comments Off



Tô tão phyna que venho bochechando Bvlgari, colega! Imagina você que ando a fazer bochechos diários com o Eau Parfumée Au Thé Vert Extreme. Não é uma coisa?


Calma, antes que pensem que enlouqueci mais ainda, vos digo: não catei meu perfume e saí usando o dito cujo como enxaguante bucal não, tampouco a Bvlgari lançou algo do tipo. O lance é que eu comprei o enxaguante bucal Colgate Plax Tea Fresh e, gente, aquilo tem gosto de Au Thé Vert! Pois é, pois é, pois é.

Cafungando o Colgate Plax você não nota a semelhança. Mas é mandar aquilo pra dentro e arregalar o zóio.

Veja você, logo que botei aquilo na goela (o Tea Fresh, não o Bvlgari, ok?) quase fui pra trás, tateando o ar e soltando grunhidos numa atitude desesperadora e vexaminosa.

Eu nunca bebi perfume (ainda. rá!), mas garanto que é cara dum, focinho doutro. E, ai, posso falar? Não gostei. É horrível ficar com gosto de perfume na boca, ainda mais em se tratando de um dito cujo que você tem em casa e usa. Adoro o Au Thé Vert, mas não na minha boca!

Será que mais alguém sentiu a semelhança? Gente, será que eu pirei de vez? Será que ando vendo/sentindo perfume em tudo?

Só sei que o trauma foi grande. Medo de me deparar agora com enxaguante bucal sabor J´adore, Armani Mania, Fantasy, Shalimar e afins. Já pensou? Socorro!