As cerejeiras do Boti


by Vanessíssima em , , ,

Comments Off


E lá fui eu cafungar os novos Florattas do Boticário: Cerejeira em Flor e Cerejeira em Pétalas. E tenho a dizer que, Boticário, teu nome é linearidade.

E digo mais: quem tem o sublime Fleurs de Cerisier da L´Occitane como referência no quesito vai se decepcionar, e muito, com os novos do Boti.

Todos os dois são suaves, simples e, tcharã, mais do mesmo (e não, não pertencem sequer ao mesmo planeta do Fleurs).


E, gente, os novos Florattas são tão diluidíssimos, que fica difícil identificar grande parte das notas divulgadas. Não sei se é isso mesmo ou se meu nariz não estava num bom dia. Só sei que foi assim:

Cerejeira em Flor

Diz o Boti:

Floriental Fresco
Saída: mandarina, frutas silvestres, damasco
Corpo: lírio-do-vale, muguet, madressilva, gardênia, jasmim, flor de laranjeira
Fundo: sândalo, âmbar, praliné, musk, caramelo

Digo eu:

Frutal um tanto quanto docinho, pero no mucho. Mezzo fresco, mezzo cremosinho com um tiquitito de amargor (o suficiente pra não deixar a coisa gourmand, sabe como?). Sinto as frutas marcando presença, em especial a mandarina e o damasco. Noto também um pouco de flores (mais flor de laranjeira do que qualquer outra coisa). E as notas de fundo ficam lá dando tchauzinho bem apagadinhas, só pra deixar uma brisa docinha. Um tanto quanto sintético, ele é mais encorpado do que o irmão, mesmo assim é suave. Entre os dois, sou mais esse (ainda que eu não o deseje).


Cerejeira em Pétalas

Diz o Boti:

Floral Bouquet

Saída: folhas de bambu, lírio-do-vale, acorde especiado fresco, maçã, lichia, pêra, pimenta rosa
Corpo: violeta, frésia, muguet, gardênia, cereja, flor de osmanthus, cedro branco
Fundo: cedro, sândalo, musk, vanilla, fava tonka, musgo de carvalho

Digo eu:

Cheiro de sabonete líquido e ponto final. Como adoro parênteses, sigo dizendo que esse perfume tem um tom bem frutal (culpa da maçã, da lichia e da pêra – mais da lichia, na verdade). Percebo ainda a maldita violeta que tanto desgosto (porque, além de tudo, ela me dá dor de cabeça) e um cheirinho maroto de suco artificial. Deus sabe o quanto me esforcei pra sentir as notas de fundo. Na boa, deve ser pegadinha. Elas não podem estar lá! Não mesmo! Conhece as fragrâncias da linha Nativa Spa? A vibe é praticamente a mesma, só que mais suave. 


E digo mais:

Por mais que pareça o contrário, esses perfuminhos não são ruins (se é que existe fragrância ruim propriamente dita). Eles foram feitos pra agradar à grande massa, pra serem presentes fáceis pra tia da escola, pra avó, pra madrinha... Sabe aquele tipo de pessoa que não liga muito pra perfume, mas gosta de ficar cheirosinha? Então, é bem por aí. É quem o Boti quer fisgar, saca? Pra mim, são mais dois perfumes Boticário de ser (lê-se: oi, tenho forte apelo comercial). Quem realmente curte perfumaria corre o sério risco de achar a novidade bem superficial, chatinha e dispensável. prontofaleimedeixa

No mais, ressalto que perceber cheiros é coisa personalíssima e nossos narizes nunca, jamais, em tempo algum andam no mesmo compasso. E viva a diferença! Vide resenha da minha super vizinha Helen. Enfim, é preciso ir à luta e cafungar com seu próprio nariz.

Cafungou esses dois? Concordou com meu nariz? Discordou dele? Vai botar meu nome na boca do sapo? Please, manifeste-se!