O primeiro perfume a gente nunca esquece


by Vanessíssima em , ,

Comments Off



Ganhei meu primeiro perfume aos 10 anos de idade. E ele não durou nem uma semaninha sequer. Antes que pensem que bebi o frasco, explico: minha querida irmã, num acesso de fúria (coisa normal – na minha casa – quando se tem 8 anos de idade), tacou o vidro na parede e lá se foi minha alegria. 


Minha parenta jogou meu querido com tanta vontade, que a força que ela fez moveria, sei lá, uns dez elefantes. E fiquei eu lá, paralisada, em choque, num transe extracorpóreo surreal, banhada em tristeza pela perda de meu bem mais precioso, e com medo só de pensar que, na próxima, seria eu contra a parede. 

O nome do perfume? Angelical Touch (Boticário). Quem se lembra? 

Ele foi lançado em 1990 (quando ganhei o meu) e não teve vida longa no portfólio do Boti (começo a achar que esse perfume era amaldiçoado, já que não durou nem em casa e nem no Boti).

Enfim, me escapou das mãos uma lavandinha almiscarada pra lá de boa, viu? Eu me lembro bem do cheirinho dele, com perfeição, como se fosse ontem. Gente, como eu amava esse perfume! Até dormia com ele debaixo do travesseiro. Sim, sou surtada desde criança. Me deixa!

Agora é minha vez de saber: qual foi o seu primeiro perfume? Berra aí nos comentários!