Noa Fleureando


by Vanessíssima em , ,

Comments Off


Graças à minha vizinha Helen, conheci uma pequena delícia que atende pelo nome de Noa Fleur (Cacharel). Ou melhor, atendia. É, pois é, mais um que foi pro limbo dos descontinuados, minha gente. Choremos. 


O fato é que esse flanker do meu amado Noa (falei dele aqui e aqui) é/foi foférrimo! Cata lá o Noa e joga umas flores nele. Enfia também um cadim de sabonete na coisa toda. Taí o Noa Fleur

As notas de saída dele são cassis e coentro. As de coração são noz-moscada, hibisco, café, peônia e rosa búlgara. As notas de base são benjoim e almíscar. Rosa, hibisco e peônia dominam. Mais rosa do que peônia e hibisco. Tudo bem rente à pele e confortabilíssimo. Café, cadê você meu filho? Benjoim? Presente! Almíscar? Presente! Noz-moscada? Faltou! Ufa, ainda bem (não gosto de noz-moscada, me deixa!).

Delicadíssimo, suavíssimo, belíssimo e quietinho. E, acredite, ele consegue ser ainda mais sutil do que o Noa original. Aliás, na boa, Noa Fleur é um Noa cor-de-rosa, romântico, inofensivo e inocente. E tenho dito! Por isso, se você torce o nariz pro Noa, nem precisa se atiçar pra conhecer o Fleur. Esquece ele e parte pra outra.

E eu nem falo mais nada sobre essa mania babaca que a Cacharel tem de descontinuar belezuras, viu? Arre!

No mais, eu bem que seria a feliz dona de um frascão de Noa Fleur via ebay. Mas o que cobram lá (e só tem lá) é uma anomalia (considerando a fragrância em questãn). Noa Fleur é uma delícia, mas não vale tudo aquilo que estão pedindo mais o frete.

Gerundismos, superlativos e vizinhas más povoam o meu aromático mundão.