Cheiro da vez: sal


by Vanessíssima em , ,

Comments Off


O sal é um paradoxo. Ele salga e realça a doçura. Opa, como não? Se você vai pra cozinha, me entende. Caso não, experimenta botar uma pitadinha de sal no preparo da sua sobremesa (garanto que o sabor ficará ainda melhor). Deixemos os truques gastronômicos de lado, néam? Enfim, conheça agora alguns perfumes que levam o paradoxo ingrediente na composição.




L de Lolita (Lolita Lempicka)

Explosão encantadora de sal com baunilha e laranja. Foi falado aqui.








Moschino Glamour (Moschino)
Absinto, flor de tangerina, sal marinho, hibisco, nenúfar e orquídea é o que temos aí. [desconheço]







Womanity (Thierry Mugler)
Não tem o sal propriamente dito, mas tem caviar (nunca vi, nem comi, eu só ouço falar), que é meio salgadinho e, óbvio, salga a coisa toda. Tem figo também. No mais, Womanity não veste bem em mim, conforme você vê aqui (figo só fica bom na minha boca, não na minha pele).






Close (Gap)
Toque salgado cítrico que lembra a pele de quem acabou de sair do banho, segundo a divulgação oficial. [me é desconhecido]









Burberry Sport Women (Burberry)
Laranja com sal. Ah, então é o sal que deixa esse perfume esquisitinho na minha pele? prontofaleinãomemate 









Batucada (L'Artisan)
Bora homenagear o Rio de Janeiro botando sal no perfume? E não basta ter sal, tem que ter água do mar! Squidum dum dum, opa! [não conheço essa criação]




Gente, Demeter é covardia, ok? A marca tem perfume de tudo e mais um pouco, incluindo sal (vide Salt Air). Nem vou citar esses doidos aqui porque, bão, né? Oops, citei. Escapou. E chega de Demeter no Cheiro da vez, combinado?