A versão L´Eau do Shalimar Initial


Pra entender como é o Shalimar Parfum Initial L´Eau (Guerlain), você precisa ler antes este post aqui sobre o Shalimar Parfum Initial (vulgo SPI). Vai lá ler que eu te espero.

Ok, leu? Bão, agora tenho a dizer duas coisas: 1. nesse meio tempo, SPI abandonou o posto de perfume-metade e tudo voltou como dantes no quartel d´Abrantes (tá, isso não vem ao caso, mas eu tinha que falar se não o nariz cai); 2. a versão L´Eau é mais cítrica e leve em comparação com o SPI original, de resto quase nada muda.

A saída do L´Eau vem com neroli, bergamota, grapefruit e laranja. O coração traz íris, jasmim, jacinto, frésia, rosa e lírio-do-vale. A base tem baunilha e tonka.

Botando na ponta do lápis, não tem neroli e grapefruit no SPI. Ele (o SPI original) também não conta com jacinto e lírio, mas temos nele (no SPI original) pitadas de patchouli, almíscar e caramelo. O resto é igual.

De nariz pra nariz, tenho pra mim que Thierry Wasser seguiu o conceito L´Eau ao pé da letra quando criou essa versão. Temos aqui um quê suavizado, mais diluído, mais fresco e, sim, mais comercial. Lá se foram as facetas doce, quente e moderna-vintage (oi?) do SPI original. Ainda temos talco e guerlinade no L´Eau, só que de forma mais tímida.

L´Eau abre bem mais cítrico, segue para um floral comportado (que aqui perde o toque almiscarado e o ardidinho do patchouli presentes no SPI) e termina num leve docinho comedido. O talco aparece do meio pro fim (no SPI, sinto o talco dando oi desde o início).

Por essas e outras, L´Eau é um perfume mais fácil de agradar, tem um apelo mais jovial, é gostosinho e tal, mas o SPI original tem mais pegada, me diz mais coisa, tem um papo mais bacana, me olha nos olhos e tal. 

Sinceramente? O mundo não precisava do Shalimar Parfum Initial L´Eau. E olha que sou Guerlain (com ascendente em Chloé e lua em Dior), hein? Na boa, nem sei se o SPI – que tem apenas dois aninhos de idade – precisava dos três flankers que já lhe cabem, viu?

Comentários

  1. Bom, é uma L'eau, tinha que ser assim mesmo, né? Acho que deve ser aquela opção para o verão; a gente bem sabe que perfume talcado no verão dá aquele "efeito mate" meio fake.
    P.S.: Sobre os dois flankers, eles não são realmente flankers, são só frascos diferentes para colecionadores (até onde se saiba, edições limitadas, sendo que A Fleur de Peau tem aquele balangandã com não sei quantos quilates e 1,5l de eau de perfum)!!!!
    Perfume pra dedéu, como diria o Bart Simpson! :)

    ResponderExcluir
  2. Perfume na Pele, pois é, o L´Eau é corretíssimo sim, mas eu esperava um flanker mais arrebatador (tipo o Eau de Shalimar, saca?). O problema tá na minha expectativa mesmo. rs

    ResponderExcluir
  3. Vanessíssima, sua linda! Você já me deixou doida, desejando ao menos sentir o Blv notte... E agora quero arrematar esse L'Eau!
    Só que moro em cidade pequena, daí já viu, né? Não posso nem dar uma cafungada e teria que me arriscar nas internet da vida, e pra isso queria contar com uma ajudinha sua.
    Já li e reli centenas de vezes suas resenhas, mas ainda fico insegura... É o seguinte, tenho pouquíssimo repertório perfumístico mas personalidade olfativa muito forte. Sempre acabei fugindo pros perfumes masculinos do Boticário (já falei que moro no interior? ) só pra não ter que usar uns florais fajutos ou adocicados absurdos ( tenho dor de cabeça só de pensar no Egeo Dolce ).
    Mas adoro a água de colônia Fougère do Boti e cabei catando o lindão Linda Brasil, depois de sua ótima influência! :D
    Dos perfumes famosos acho o Angel enjoativo, acho o Miss Gabriela menos enjoativo, mas não faz muito meu estilo, muito agudo... O 212 Vip feminino não me faz cair de amores, queria ser surpreendida, queria mais conforto.
    Gosto muito de um cheiro fresco, mas não agudo, não desinfetante. Gosto de cheiros mais densos, marcante, mas não sufocante, e ainda leve ( vá me entender.. ?? ), adoro cheiro de boneca nova, o que me deixa em polvorosa por atalcados, mas também moro num lugar moooito quente! Queria um perfume delicado, feminino, com o frescor de uma floresta pós-chuva de meio dia (??), com talquinho vintage, sem facadas agudas de açúcar, onde as especiarias soubesse dançar com classe, deixando uma sensualidade não óbvia no ar. Que fosse confortável como um edredon rosinha recém lavado, nada de luzes pink de neon...
    Acabo esperando isso do L'Eau do Shalimar Initial, e como não entendo muito de notas, acabo me baseando apenas nas suas descrições sinestésicas. O que você acha? Me arrisco nuns 40ml ( não encontrei miniatura ) ? Tento o Blv ? Ou continuo minha saga perfumística com os perfumes que me são cafungáveis?
    Agradecendo desde já a atenção e a paciência,
    Jully Evelyn

    ResponderExcluir
  4. Ah, 212 VIP Rosé, viu? Me esqueci de escrever Rosé...
    Jully, again

    ResponderExcluir
  5. Jully queridona, acho que ambos são boas pedidas pra você, viu? Eu também moro numa cidade quente e uso os dois de dia numa nice. Outra opção pra você é o Flower By Kenzo Essentielle, que cabe melhor em dias menos tórridos, mas vai na linha que você curte (gosto muito de usar esse dito em dias de chuva sabe-se lá por qual razão rs). Sabe outro que você pode amar? O Pleasures. Mas ele não tem talco nenhum. E vai na vibe do Linda Brasil, só que mil vezes melhor. Já falei deles aqui no blog.

    ResponderExcluir
  6. Van, só conheço e tenho o L'eau, e quando fiquei sabendo que foi descontinuado comprei mais 2 frascos. Fiquei curiosa sobre o SPI edp, que dizem também estar descontinuado. Na minha cidade não vende mais Guerlain, e tô me coçando para comprar um vidrinho do edp na Sephora. Para quem tem esse tanto de L'eau, o edp será necessário (São diferentes o suficiente? Vale o investimento? $$$) ?
    Sabrina

    ResponderExcluir
  7. Sabrina, são parecidos, mas diferentes. rs O SPI é mais encorpado e tem um talco mais fortinho, sabe? É uma versão mais noturna do L´Eau. Eu só tenho o SPI e não vi necessidade de ter o L´Eau não, mas se você ama tanta o dito cujo, e considerando que ambos foram descontinuados, acho que pode ser bom negócio ter os dois. Mas saiba que o L´Eau é mais versátil, mais usável, digamos assim.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Bora comentar aqui embaixo?
Se joga! Com classe, por favor!

arquivo do blog

Mostrar mais