A Ma Dame do Jean Paul


by Vanessíssima em ,

Comments Off


Você também não se leva muito a sério feito eu? Então dê uma chance ao Ma Dame EDT, do meu amigo Jean Paul Gaultier (JPG para nós, os íntimos). Neon, irreverente, divertido and atrevido, esse perfume escancara toda aquela deliciosa excentricidade do Jean Paul, saca?

JPG nos brinda com laranja na saída, rosa e grenadine no coração, e almíscar e cedro na base. O resultado é uma explosão redelicious tal qual a famosa bebidinha, que mistura álcool e frutas vermelhas (normalmente romã) com um toque de baunilha, tudo trabalhado no louvável intuito de se obter uma doçura levemente cítrica e sorrisos marotos.

O que temos é um perfume calcado na laranja à enésima potência e na baunilha do grenadine, xarope que se mostra licoroso e indiscreto. Obviamente, o resto tá todo lá também, mas o que meu nariz consegue sentir com força (e bota força nisso) é isso aí, cara. E gruda, viu? Horas e horas e horas. E projeta, viu? Quilômetros e quilômetros e quilômetros. Uma gotinha basta pra ser feliz com ele.

Nada sutil, Ma Dame é do tipo que chega metendo o pé na porta, capisci? Mas a rebeldia toda vem com estilo, acompanhada por roupa grifada, salto agulha, batom forte e aquele je ne sais quoi de uns bons drink pós-balada bem sucedida, se que é você me entende. Taí a ma dame/madame/senhora do Jean Paul!

Pessoas que se levam a sério demais e/ou não apreciam uma boa dose de auto-ironia dirão que Ma Dame é over, invasivo, xaropão (no sentido literal), que carece de adultismo e etc and tal. Pessoas que curtem rir de si mesmas saberão tirar proveito do Ma Dame. Eu, por exemplo, tropeço, dou risada e bato palmas pra mim mesma, então tô em casa com ele. 

Srta. Anjos, do esplêndido Perfume na Pele, é de fato celestial. Foi ela quem nos apresentou.