Na lista rosada


by Vanessíssima em , ,

Comments Off


Jura que precisava de um flanker do 212 VIP, Carolina Herrera? Jura mesmo? Então tá, né. Cê tem que aproveitar as fotos da [bocejo] Gisele Bündchen mesmo. Agora que já pagou e tudo. Senhoras e senhores, com vocês, 212 VIP Rosé!

Floral frutado, ele tem champagne e notas frutadas na saída, flor de pessegueiro no coração, e madeira, almíscar branco e âmbar na base.

Não, ele não é a versão rosada do amareludo (a.k.a. 212 VIP, falado no meu post anterior). Falta sustância até pra isso. O amareludo, que já não é lá grande coisa, é Bacardi. O rosadinho é Sidra Cereser. Vai vendo.

Sabe do que eu realmente gostei nele? Do imã que puxa a tampa num canudo magnético do além. Quando você menos espera, vuuush, o frasco suga a tampa da sua mão e se fecha. Achei show e aplaudi na loja. Maridón ficou com vergonha de mim, mas ele sabe que esposa é pra essas coisas. Rá! Os frascos maiores do VIP original também têm essa magia, mas o meu amareludo não faz isso porque é o de 30 emiéles. #todaschora Mas eu sou boba e fico feliz pelo frasco alheio. 

Voltando ao perfume, Rosé é suave, levinho, inofensivo e (odeio dizer isso) comum, ou seja, é fácil de agradar. Com saída borbulhante, ele passa pelas frutas vermelhas docinhas estilo balinha (sim, isso me incomodou) e vai caminhando até chegar no indefectível cheirinho de banho fresquinho bem bom (yes, o final amadeirado with almíscar e âmbar me fez sorrir). 

Carolina Herrera nos ensina com o Rosé uma receitinha de sucesso no comércio. Anota aí: saída festiva, passinhos docinhos e final com cheiro de banho, tudo bem light do começo ao fim. Certíssima ela. Quem não quer ganhar horrores de dinheiro, néam? Esse perfume tem público certo e certeiro! 

212 VIP Rosé, eu te compraria? Não! Eu te usaria se te ganhasse? Sim, pra ficar em casa e/ou antes de dormir. Sou chata? Sim! Você vai vender bem? Sim!

Um brinde de Sidra Cereser pra Gisele Bündchen!