Ariano, verbena, menta e João


by Vanessíssima em , ,

Comments Off

Ariano Suassuna tem, entre muitas, uma frase maravilha. Disse ele certa vez no meio de uma palestra: "Eu não mereço a menor confiança em citações. Quando a frase não me serve, eu modifico."

Pois bem, e eu tomo o dito dele pra mim e digo: Eu não mereço a menor confiança em relação aos textos deste blog. Quando uma família olfativa passa a me servir, eu me modifico.

De modo que ei, você aí, que sempre soube da minha aversão por cítricos, toma a minha incoerência! Quer que eu embrulhe?

Gente, sério: nunca jamais em tempo algum vale a pena ir na minha. O que tem aqui são impressões imprecisas de uma pessoa que gosta de perfumes. Nada além. Aqui eu só junto a fome com a vontade de comer (escrever and cheirar).

E então eu conheci o Verbena & Menta (L´Occitane), que traz limão, grapefruit, verbena, hortelã, hortelã-pimenta, madeira branca e almíscar, e me mostra como o mundo pode ser maravilhoso, com céu azul, nuvens brancas, árvores verdes, rosas vermelhas e amigos se cumprimentando. Pra borrifar ouvindo What a wonderful world na voz de Louis Armstrong.

A verbena aqui vem travestida de capim-limão, passa o tempo todo sorrindo e não é muito afiada. Ela mantém uma certa adstringência, mas não chega a pinicar o nariz em nenhum sentido (quem cresceu com capim-limão no quintal me entende). Quando a gente vê, tá lá sentindo a menta, fresca, fresquíssima e revigorante. E depois o capim-limão perde o capim e ficamos só com o limão brilhante e sorridente. No final de tudo, temos uma caminha amadeirada fantástica. Tudo bem compartilhável, natural, com fixação honesta e sensações mil. Mais que perfeito em dias quentíssimos.

Pra quem curte cítricos aromáticos ou não. E eu, gente, me encaixo no não, e tô caidinha de amores por esse perfume!

Verbena & Menta só tem dois probleminhas: o fato de ser edição limitada e o preço (acho demais pra tanto otimismo).

E aí que agora eu termino este texto usando e abusando do João Ubaldo Ribeiro: "Deus não tem pressa nenhuma, para Ele tudo é ontem, hoje e amanhã, só quem vive dentro do tempo somos nós". É isso aí, Ubaldo! Nunca é tarde pra gostar de perfumes cítricos. E nunca é tarde pra gente parar de me levar a sério. Rá!

PS: Verbena & Menta tem múltipla personalidade na internê, e pode ser encontrado também como Verveine Menthe, Verbena Mint e Mint Verbena. No mais, dizem que ele é o antigo Verbena Sorbet. Como não conheci a encarnação anterior, não posso opinar sobre.