Receitinha do dia: Florabotanica


Boa tarde, pessoal! Que delícia estar aqui com vocês! Todo mundo ligadinho no nosso programa? Então, olha só, que tal aprender a fazer um perfume que promete um toque de exotismo? Legal, né? No programa de hoje, vamos aprender a receitinha do Florabotania (Balenciaga)! Sabia que ele foi inspirado nos jardins do século XVIII? Pois é! Taí pra você uma receitinha fantástica pra fazer em casa e ganhar muito dinheiro com ela! Quer ver só? Você pode vender 100 ml por R$ 879! Não é o máximo, gente? Quem não quer ganhar dinheiro, não é mesmo? Então pega a sua caneta e aquele bloquinho esperto que você deixa aí do ladinho da sua TV e anota aí! Simbora?

Você vai precisar de um frasco bem bonito e diferente. Tem que caprichar nessa parte, ok? Escolhe um frasco bem moderno, viu? Tá anotando? A nossa sugestão pra você aí de casa é este frasco aqui óh, uma coisa assim meio Beetlejuice, que tal? O quê, diretor? Ah, sim, já voltamos com a receita! Agora vamos pra um rápido intervalinho e já voltamos!


[intervalo]

[fim do intervalo]

Vamos voltar pra nossa receitinha? Pois bem, continuando com a lista dos ingredientes do nosso Florabotanica, você vai precisar de vetiver, âmbar, folha de caladium, rosa, menta e cravo. Mas é cravo flor, viu? Não vai confundir! Nada de trocar a flor pela especiaria, ok? Depois vocês ligam aqui e reclamam que a receita não deu certo. Tem que prestar atenção, hein?


Agora você vai misturar tudo e, hum, que cheirinho de rosa mais fofo, gente! Parece rosa geladinha com um pouquinho de mato e um sabonete meio atalcadinho. Bem linear, viu? E, olha que bacana, o cheirinho fica bem rente à pele e dura horrores! Que perfuminho bom pro dia a dia! Não tem como fazer feio com ele, viu? O cheiro não é nada exótico, mas ninguém precisa saber disso. Aliás, se você quer vender bem, esquece esse lance de cheiro exótico. Não tem muita saída! O pessoal não gosta de coisa muito complicada. Mas não deixa de dizer que o perfume é exótico, tá? Isso chama a atenção. 
Muita gente vai querer provar ou, melhor ainda, comprar sem conhecer só por casa dessa pegada. Só o cheiro em si que não pode ser diferentão, entendeu? É só botar tudo num frasco bem moderninho e o pessoal vai achar que a fragrância é exótica. Não é uma receitinha maravilhosa pra ganhar dinheiro? Repetindo o que eu disse no comecinho da nossa receita: depois de pronto, você pode vender 100 ml do Florabotanica por R$ 879! Sim, é isso aí: oitocentos e setenta e nove reais! Que lucro ótimo, não? Eu amei a receitinha de hoje e já ela já se tornou uma das minhas prediletas! Conforto puro, gente! Perfuminho delícia mesmo! O quê, diretor? Comercial? Então vamos pra mais um rápido intervalinho e já voltamos!

Comentários

  1. "rosa geladinha com um pouquinho de mato e um sabonete meio atalcadinho"
    Geeeeeeenteeeeeeeemmmmm!!!!!
    É isso que eu adoro! Adoro perfumes de flores que se apegam mais ao mato (grama cortada, terra molhada) do que aquelas que se misturam com um saco de jujuba (tenho verdadeiro pavor do Insolence!). E nada mais gostoso do que estar finalizando seu dia com um cheiro atalcadinho... Sou viciada em passar o Baiser Volé para dormir!
    Mas esse perfume da resenha nunca cheirei, mas confesso que tenho até medo, pois se eu me apaixonar será uma amor platônico , já que o preço não favorece. Mas vai entrar na lista para conhecer!
    Adoro seu trabalho Van!
    Queria aproveitar para tirar duas dúvidas:
    1) vc tem alguma ideia por onde anda o perfume Feerie da VC&Arpels?
    2) vc fez algum curso, algo assim, pois tenho alguns interesses na área de perfumes e precisaria saber "cafungar" tbm! RS

    Beijos e muito sucesso!
    Parabéns pelo blog fabuloso!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Bora comentar aqui embaixo?
Se joga! Com classe, por favor!